Qual é o Melhor Processador LGA 1151 – 2021

cpu intel lga 1151

O soquete LGA 1151 tem uma ampla compatibilidade com várias linhas de CPU Intel, servindo tanto para computadores básicos quanto para PC gamers. Essa versatilidade a torna uma ótima opção para quem quer se preparar para um upgrade futuro, melhorando o desempenho sem precisar de uma placa-mãe nova.

cpu intel lga i9cpu intel lga i5cpu intel lga i3
CPU Intel i9 9900KCPU Intel i5 9600KCPU Intel i3 9100F
Núcleos: 8 (16 Threads)

Clock: 3.6GHz (Turbo 5GHz)

Geração: 9ª (Coffee Lake)

Núcleos: 6 (6 Threads)

Clock: 3.7GHz (Turbo 4.6GHz)

Geração: 9ª (Coffee Lake)

Núcleos: 4 (4 Threads)

Clock: 3.6GHz (Turbo 4.2GHz)

Geração: 9ª (Coffee Lake)

Cerca de R$ 3.840Cerca de R$ 1.600Cerca de R$ 910
Compre OnlineCompre OnlineCompre Online

Se você está pensando em montar um novo PC, uma CPU compatível com LGA 1151 pode facilmente atender todas as suas necessidades. Se você já possui uma placa-mãe LGA 1151, existem várias CPUs compatíveis capazes de dar uma vida nova ao seu computador.

Para provar isso, avaliamos as melhores CPUs LGA 1151 que você pode comprar. Selecionamos um modelo para uso intensivo ou profissional, um modelo intermediário com ótimo custo-benefício e um modelo básico e barato. Por mais diferentes que sejam entre si, todos têm uma coisa em comum: são capazes de dar uma nova vida à placa-mãe LGA 1151. Vamos lá!

Melhor CPU LGA 1151 – Intel i9 9900K

cpu intel lga i9

Núcleos: 8 | Threads: 16 | Clock: 3.6GHz (Turbo 5GHz) | Cache: 16MB | TDP: 95W | Geração: 9ª (Coffee Lake)

Compre Online

Os modelos K de cada série Intel são alguns dos melhores que você pode comprar e o Intel Core i9 9900K é uma prova disso. Com 8 núcleos e tecnologia de hyperthreading, ele tem o dobro da capacidade computacional de que você precisa para a maioria dos jogos recém-lançados. Este CPU é uma boa combinação para os chipsets LGA 1151 top de linha, como um Z390 ou mesmo Q370, e com um clock de 5 GHz, você será capaz de executar softwares complexos de maneira rápida e sem engasgos ou travamentos.

Se você está procurando obter o máximo de performance possível da sua placa-mãe LGA 1151, então o i9 9900K é a escolha ideal de processador. Ele simplesmente tem o melhor desempenho em benchmarks entre todas as CPUs LGA 1151, sendo perfeitamente capaz de lidar com jogos, renderização, programação, edição de vídeo e qualquer outra tarefa intensiva.

Apresentando uma estrutura octa-core e 16 threads, o i9 9900K é a CPU LGA 1151 mais poderosa e versátil que você pode comprar atualmente. Os oito núcleos Coffee Lake são mais do que suficientes por si só para realizar qualquer tipo de processamento, e as threads adicionais tornam o i9 9900K à prova de futuro por muitos anos. Como todo processador com o sufixo K, usuários experientes podem realizar um bom overclock nessa CPU, melhorando ainda mais o seu desempenho.

Ele vem com uma placa de vídeo Intel UHD 630 integrada, mas se você quiser jogar em configurações ultra altas, você precisará emparelhá-lo com uma GPU dedicada. Depois de resolver isso, você pode esperar que o i9 900K atinja taxas de quadros médias na casa dos 90 FPS durante jogos exigentes como Far Cry 5 e Shadow of the Tomb Raider, mas para a maioria dos títulos, você pode facilmente ultrapassar 120 FPS.

 

Melhor CPU LGA 1151 custo benefício – Intel i5 9600K

cpu intel lga i5

Núcleos: 6 | Threads: 6 | Clock: 3.7GHz (Turbo 4.6GHz) | Cache: 9MB | TDP: 95W | Geração: 9ª (Coffee Lake)

Compre Online

Nós vamos pular a linha i7, que não oferece um custo benefício bom o suficiente, e ir direto para o processador i5 9600K e o seu ótimo desempenho por um preço atrativo. O design hexa-core oferece clocks altos e mais núcleos do que a maioria dos programas utiliza, especialmente jogos. Seus seis núcleos podem estranhar alguns usuários, mas o i5 9600K  hexa-core é mais do que capaz de bombear taxas de quadros altas em uma gama enorme de jogos novos, além de emuladores de consoles mais recentes.

Se você está procurando desempenho de FPS bruto, mas está com um orçamento restrito, o i5 9600K é a escolha ideal. Não é muito bom para suportar cargas de trabalho encadeadas (que necessitam de mais núcleos ou threads), mas não é para isso que foi projetado. Se esse é o tipo de CPU que você está procurando, as linhas atuais da AMD são mais indicadas. O i5 9600K foi projetado para ter um ótimo desempenho single thread, métrica mais importante para jogos e muitos programas.

Se você tiver o equipamento certo, você pode fazer um overclock nesse processador de uma maneira relativamente segura. É necessária uma placa avançada nos moldes da Gigabyte Z390 M Gaming, que permite alcançar frequências estáveis de até 5 GHz. Mesmo antes de qualquer overclock, as especificações de velocidade de clock deste i5 são bastante impressionantes; na verdade, ele tem uma frequência base 0,1 GHz mais rápida do que o nosso campeão, o i9 9900K.

Esta CPU tem um desempenho especialmente bom durante jogos que prosperam no desempenho por núcleo. Para usuários menos exigentes, a GPU integrada Intel UHD 630 é capaz de lidar com processamento gráfico básico. O i5 9600K oferece um desempenho top de linha por um preço intermediário na maioria dos usos. Nossa única ressalva é que o i5 9600K é mais ou menos apenas uma CPU para jogos. Devido à ausência de hyperthreading, não é adequado para cargas de trabalho profissionais, dependendo dos programas utilizados.

 

Melhor CPU LGA 1151 barata – Intel i3 9100F

cpu intel lga i3

Núcleos: 4 | Threads: 4 | Clock: 3.6GHz (Turbo 4.2GHz) | Cache: 6MB | TDP: 95W | Geração: 9ª (Coffee Lake)

Compre Online

Nosso CPU final para tipos de soquete LGA 1151 é um dos melhores processadores i3 lançados. Não é uma CPU que esbanja especificações altas, mas ela é capaz de atender um nicho importante, que é o de processadores baratos com alto clock. Muitos usuários querem apenas jogar com uma boa resolução, não necessariamente a maior possível, e rodar alguns programas pesados de vez em quando, o i3 9100F é perfeito para esse cenário.

Seus quatro núcleos não devem impressionar muitos leitores, mas você deve manter em mente que essa é uma CPU barata e que atende muito bem tarefas menos exigentes. O i3 9100F tem tudo o que precisa para suplantar seu processador antigo e aumentar a vida útil da sua placa-mãe LGA 1151 por pelo menos mais alguns anos. Com seu clock e acesso a tecnologia mais recentes, você pode rodar a maioria dos jogos novos em uma resolução média ou baixa, programas pesados podem ter pequenos engasgos, mas são utilizáveis.

O que ainda nos impressiona no i3 9100F são suas incríveis velocidades de clock. Ele atinge o valor mínimo de 3,6 GHz, que está além do requisito mínimo para a maioria dos jogos, e pode ser aumentado para admiráveis ​​4,2 GHz pelo Turbo Boost quando você precisar de um pouco de energia extra.

Como indicado pelo sufixo F, você não será capaz de ajustar o desempenho com qualquer overclock manual, então o i3 9100F não é de forma alguma uma unidade para entusiastas, mas se você só se preocupa com a capacidade de rodar jogos, o i3 9100F é uma opção de orçamento fantástica. Ao contrário dos modelos vistos acima, o i3 9100F não inclui uma GPU integrada, então ele precisa ser pareado com uma placa gráfica dedicada.

Você também pode se interessar por: Como Escolher um SSD M.2 e Top 12 – Melhores Mouses Gamers.

 

Características importantes

Núcleos e threads

Os núcleos (também chamados pelo termo em inglês cores) da CPU devem ser sua primeira consideração, independentemente do tipo de soquete que você precisa. Os núcleos são responsáveis por todas as execuções de instruções primárias. Eles são o cérebro e a força de sua CPU. O desempenho individual de cada núcleo depende de alguns fatores, o mais importante deles é a velocidade de clock, que nós veremos abaixo.

Os núcleos da Intel também podem ter a tecnologia hyperthread, o que significa que cada núcleo tem duas threads de processamento. Isso quase duplica o poder de processamento, mas aumenta ligeiramente a latência. Como tal, o hyperthreading é ótimo para multitarefa, mas não tão rápido quanto CPUs de núcleo único para fluxos de trabalho específicos.

Nem todos os programas e jogos utilizam núcleos e threads da mesma maneira. Depende de cada desenvolvedor aplicar as técnicas corretas para aproveitar e distribuir o processamento da maneira adequada. A maioria dos jogos e programas atuais consegue aproveitar um número maior de núcleos e threads, mas os mais antigos geralmente são processados por um único núcleo.

 

Velocidade de clock

A velocidade do clock é outro fator crucial para medir o desempenho de um processador. A velocidade de clock e a quantidade de núcleos de uma CPU devem ser analisados juntos. De modo geral, os núcleos controlam a maior parte dos aplicativos que podem ser manipulados simultaneamente, enquanto a velocidade do clock – medida em GHz – define a rapidez com que carregam e funcionam conforme você interage com eles.

A velocidade de clock é medida em GHz e deve ser especificada pelo vendedor em duas formas: taxas básicas e taxas máximas. A taxa básica é a frequência normal em que sua CPU funcionará durante a maior parte do tempo. A taxa máxima é a maior frequência possível que a CPU alcançará durante tarefas intensivas, quando a tecnologia Intel Boost for habilitada no BIOS. Nenhuma CPU consegue manter a taxa máxima de clock por muito tempo, então você deve dar mais atenção ao clock normal.

Usuários experientes podem fazer o chamado “overclock”, que envolve aumentar em alguma medida o clock base, geralmente menos de 0,3 GHz em situações não excepcionais. Os modelos com sufixo K da Intel permitem fazer overclock. Esse procedimento é complexo e, se feito da maneira errada, pode tornar a CPU inutilizável, então a maioria dos usuários não deve se preocupar com isso.

 

Arquitetura

Quase toda nova geração de CPU Intel é construída usando um projeto arquitetônico diferente. A arquitetura da CPU se refere à sua estrutura física e processos. São essas mudanças físicas que melhoram o desempenho e são a razão pela qual você quase sempre precisa de uma placa-mãe novinha em folha toda vez que a Intel anuncia uma nova linha de processadores.

Além das diferenças físicas, a nova arquitetura normalmente significa que uma CPU é mais eficiente em termos de energia, capaz de acomodar um maior número de núcleos, pode ter um tratamento térmico aprimorado e talvez até mesmo apresentar processos completamente novos e interessantes. Mesmo se uma CPU de nível superior mais antiga tiver velocidades de clock mais rápidas ou mais núcleos do que um novo modelo básico, a forma como a nova CPU lida com instruções e dados será mais eficiente.

 

Multitarefa

O que as pessoas querem dizer quando falam sobre multitarefa em um contexto computacional é a capacidade da CPU de executar softwares diferentes em paralelo com funcionalidade total em cada aplicativo sem o risco de travar. Por exemplo, se você tem um dezenas de guias abertas, ouve música, transmite ao vivo e joga ao mesmo tempo, isso é multitarefa.

Como mencionamos anteriormente, os núcleos hyperthreaded são fantásticos em multitarefa. Eles são os malabaristas do mundo da tecnologia. Quanto mais threads você tem, mais tarefas eles podem lidar ao mesmo tempo. Núcleos sozinhos também são capazes de lidar com as mesmas tarefas, mas eles normalmente estão presentes em menor número.

Normalmente criadores de conteúdo são os usuários que mais necessitam de um ótimo desempenho multitarefa. Apesar do processador ser muito importante para isso, a memória RAM é um fator tão importante quanto, já que é ela que mantém os programas “ativos” durante todo o tempo de execução.

 

Compatibilidade de chipsets

A 9ª geração de processadores Intel (apelidada de Coffee Lake) é compatível apenas com o chipset da série 300 e oficialmente não funciona com as placas-mãe do chipset das séries 100 e 200. Embora os processadores Coffee Lake usem o mesmo soquete físico LGA 1151 que as gerações Skylake e Kaby Lake, a pinagem é eletricamente incompatível com esses processadores e placas-mãe mais antigas.

 

LGA1151 e FCLGA1151 são o mesmo soquete?

Sim. FCLGA1151 é o nome completo e menos utilizado, enquanto LGA1151 é a versão menor e mais popularmente utilizada. FCLGA significa Flip-Chip Land Grid Array, a sigla é normalmente encurtada para LGA. Para adicionar um pouco mais de confusão, o mesmo soquete também é chamado de “soquete H4” em algumas documentações oficiais da Intel.

 

A equipe do Guia de Compra está sempre pesquisando pelos melhores produtos e preços para que você economize tempo. Todos os dias nós analisamos centenas de produtos para achar o que melhor se adapta a você, a sua casa e ao seu bolso.