Pular para o conteúdo

7 Melhores Notebooks para Programar | Dell, HP e mais!

Se você está procurando pelo melhor notebook para programação, veio ao lugar certo! Selecionamos os melhores notebooks para desenvolvedores de software, não importa o nível de experiência ou orçamento disponível.

Seja qual for a sua área de atuação e suas ferramentas de trabalho — Python, C#, Rust, Electron, front-end, cibersegurança, análise de dados, desenvolvimento mobile e muitos outros — um dos notebooks recomendados abaixo vai te servir muito bem.

Produto

Descrição

Preço

notebook para gramacao IdeaPad 3

Notebook Lenovo Ideapad 3

Melhor notebook barato para programação

Ryzen 5 5500U Hexa Core

8GB DDR4 RAM

256GB SSD

notebook programacao legion g5

Notebook Lenovo Legion 5


Melhor notebook para programação

Ryzen 7 5800H Octa Core

16GB DDR4 RAM

512GB SSD

notebook para programacao vaio fe 15

Notebook VAIO FE15

Melhor notebook para programação full-stack

Core i5-1235U Octa Core

16GB DDR4 RAM

512GB SSD

notebook para programacao macbook pro m1

Notebook Apple MacBook Pro

Melhor notebook para programar apps do iOS e MacOS

M2 Doze Núcleos

16GB DDR4 RAM

512GB SSD

notebook para programacao Dell G15

Notebook Dell G15


Melhor notebook para programar jogos

Core i5-10500H Hexa Core

8GB DDR4 RAM

512GB SSD

notebook hp g9

Notebook HP G9

Melhor notebook para desenvolvimento mobile

Core i5-1215U Dez Núcleos

8GB DDR4 RAM

256GB SSD

notebook Samsung Galaxy Book3 Ultra

Notebook Samsung Galaxy Book3 Ultra

Melhor notebook para machine learning e IA

Core i9-13900H 14 Núcleos

32GB DDR4 RAM

1TB SSD

melhor notebook para programar
Mateus Schneider

Mateus Schneider | Consultor

Mateus Schneider é formado pela UTF-PR em Engenharia de Materiais e atua como consultor do Guia de Compra. Ele utiliza sua experiência profissional na indústria para analisar hardwares, ferramentas e acessórios automotivos.

Anderson Ribeiro

Anderson Ribeiro | Consultor

Com graduação em Gestão da Tecnologia da Informação pela Uniplan, Anderson Ribeiro tem mais de quinze anos de atuação em gestão de tecnologia. Atua como consultor especializado e faz parte da equipe do portal Guia de Compra.

Um notebook para desenvolvimento precisa de um bom processador, um teclado confortável e durável e uma regulação térmica efetiva, além de algumas outras características importantes que nós explicamos mais abaixo.

Levando tudo isso em consideração, nós selecionamos os melhores notebooks para programação. Confira qual opção se adapta melhor a você.

Análise dos melhores notebooks para programar

O Guia de Compra realizou uma pesquisa intensa e realizou testes minuciosos para escolher os cinco notebooks ideais para programar. Nós escolhemos modelos que devem se adaptar a qualquer usuários, seja ele um profissional com muitos anos de experiencia ou alguém que está começando agora.

O nosso top 7 dos melhores notebooks para programadores é formado por:

  1. Notebook Lenovo Ideapad 3 — Melhor notebook barato para programação
  2. Notebook Lenovo Legion 5 — Melhor notebook para programação no geral
  3. Notebook VAIO FE15 — Melhor notebook para programação full-stack
  4. Notebook Apple MacBook Pro — Melhor notebook para programar apps do iOS e MacOS
  5. Notebook Dell G15 — Melhor notebook para programar jogos
  6. Notebook HP G9 — Melhor notebook para programação mobile
  7. Notebook Samsung Galaxy Book3 Ultra — Melhor notebook para IA

Logo abaixo você confere mais detalhes sobre cada notebook para programar, seus pontos fortes e pontos fracos e para quem ele é mais recomendado.

1° Melhor notebook barato para programação: Lenovo Ideapad 3

notebook para gramacao IdeaPad 3

Prós:

  • Alto poder de processamento por um preço baixo
  • Tela antireflexo
  • Webcam de 720p com desfoque de fundo
  • SSD M.2 + slot para para HD

Contras:

  • Teclado não-iluminado
  • Bateria de pouca duração

Compre Online!

Análise

O Lenovo Ideapad 3 é a melhor opção custo-benefício em nossa lista de notebooks para programação. Ele é um notebook intermediário com um ótimo desempenho, podendo ser usado por veteranos ou por programadores iniciantes.

  • Processador Ryzen 5 da AMD com seis núcleos e doze threads
  • 8GB de memória RAM 
  • Bluetooth 5.0 integrado
  • Webcam com resolução 720p para facilitar as reuniões online
  • Chip gráfico integrado Radeon RX Vega 10
  • Tela FHD de 15,6 polegadas com revestimento anti-reflexo
  • 256GB de armazenamento SSD, com slot SATA adicional
  • Webcam de 720p com desfoque de fundo
  • Teclado confortável de digitar com teclas numéricas dedicadas

É alimentado pelo processador Ryzen 5 da AMD com seis núcleos (doze threads) e possui 8GB de memória RAM para suportar vários programas abertos ao mesmo tempo, além de permitir que muitos programas sejam armazenados diretamente na RAM.

Com um processador eficiente e uma ótima memória RAM pelo preço, esse notebook atende bem a maioria dos profissionais da área. Conta com Bluetooth 5.0 integrado e uma webcam com resolução 720p para facilitar as reuniões online.

Por ser um notebook barato, ele não conta com uma placa de vídeo dedicada, mas o chip gráfico integrado Radeon RX Vega 10 faz um bom trabalho ao lidar com programação e com jogos antigos ou em resolução baixa.

“O notebook realmente chega a superar as expectativas quando se leva em consideração ao preço que paguei. É um ótimo notebook para você que quer jogar algo mais leve, programar e estudar.”

Avaliação de usuário no Youtube

Ele possui uma tela FHD de 15,6 polegadas com revestimento anti-reflexo para poder ser usado confortavelmente de qualquer lugar e em qualquer condição de iluminação. Um ponto fraco está no armazenamento, de apenas 256GB, mas este notebook tem um slot SATA adicional para adicionar mais espaço.

Obviamente houve uma decisão de investir mais na memória RAM do que na memória ROM, então você deve pesar qual dessas vantagens você prefere. Ele possui uma webcam de 720p com desfoque de fundo e Wi Fi AC de alta velocidade, você não terá problemas durante as reuniões virtuais.

Seu teclado é confortável de digitar e também possui teclas numéricas dedicadas, o que facilita bastante o uso para programação, mas infelizmente ele não é retroiluminado. É um recurso que pode fazer falta.

Outro problema é que a maioria desses notebooks vem com uma distribuição Linux chamada Satux que não é atualizada desde 2012. A decisão da Lenovo de utilizar esse OS causa estranheza, mas isso é facilmente remediável pelo usuário. Felizmente as versões mais novas desse modelo estão vindo de fábrica com Windows 11.

No geral esse modelo da Lenovo é uma ótima escolha para quem quer um notebook para programar barato, com um processador eficiente e não precisa de um armazenamento interno muito extenso.

Se você puder lidar com esses pequenos pontos fracos, o Lenovo Ideapad 3 é o notebook barato ideal para programação e desenvolvimento. Também é a nossa indicação principal para estudantes de programação.

Resenha dos usuários

Ficha técnica do Lenovo Ideapad 3

 ProcessadorAMD Ryzen 5 5500U Hexa Core – 2.1GHz (4.0GHz Turbo)
Memória RAM8GB DDR4 RAM
Armazenamento256GB SSD
GráficosAMD Radeon RX Vega 10
Tela15,6 polegadas Full HD
Sistema operacionalLinux Satux (derivado do Debian Stable)
BateriaAté 4 horas
Peso2,2 quilos

Confira o melhor preço!


Confira: Melhores notebooks para editar fotos e vídeos e Melhores pastas térmicas para notebooks.

2° Melhor notebook para profissionais de TI: Lenovo Legion 5

notebook programacao legion g5

Prós:

  • Tela nítida e com ótima tempo de resposta (165Hz)
  • Muita memória RAM disponível
  • Estrutura sólida capaz de aguentar alguns trancos
  • Coolers silenciosos e muito eficientes

Contras:

  • Placa gráfica dedicada é um pouco antiga

Compre Online!

Análise

O notebook Legion 5 é uma opção para quem precisa de muita RAM e um aparelho que aguente alguns trancos. Ele conta com teclado retroiluminado completo no padrão ABNT2, um desempenho térmico muito eficiente e pode ser conectado até três monitore externos.

  • Processador Ryzen 7 5800H octa-core
  • GPU dedicada Nvidia GeForce RTX 3050 Ti
  • Unidade SSD PCIe 3.0 de 512GB
  • 16GB de memória RAM (destaque)
  • Teclado retroiluminado completo no padrão ABNT2
  • Desempenho térmico muito eficiente
  • Possibilidade de ser conectado a até três monitores externos
  • Tela com painel IPS e cobertura de gama sRGB de 94%

A qualidade de construção é muito sólida. Seu chassi não enverga nem estala durante o uso. O Legion 5 claramente é um notebook durável que pode lidar um ambiente de trabalho pesado, por isso consideramos que ele é ideal para profissionais de TI, especialistas em redes e administradores de sistemas.

Ele vem com o processador Ryzen 7 5800H octa-core. que oferece bastante poder de computação para a maioria das tarefas. Ele também usa a GPU dedicada Nvidia GeForce RTX 3050 Ti, e para armazenamento há uma unidade SSD PCIe 3.0 de 512GB. O grande destaque são os 16GB de memória RAM.

O desempenho do Legion 5 é melhorado por dois fatores únicos. O Lenovo Legion AI Engine é um sistema de soluções AI que desloca a carga de trabalho entre a CPU e a GPU, o que for mais eficiente para a tarefa atual.

O segundo fator é a eficiência térmica. Apesar dos dois coolers serem mais silenciosos do que a maioria dos notebooks nessa faixa de preço, mesmo funcionando na velocidade máxima, eles fazem um trabalho muito bom em expulsar o ar quente.

“Ótimo notebook, estou usando para renderizar projetos 3D e para editar vídeo sem travamentos nem gargalos. Roda liso mesmo editando vídeo em 4K.”

Avaliação de usuário no Reddit

Há uma única porta USB-C, um conector combinado de fone de ouvido/microfone, um slot USB-A e um interruptor físico que desconecta o microfone. Na parte traseira temos porta ethernet, outro USB-C, 3 x USB-A e uma porta HDMI 2.1. A propósito, os dois USB-C suportam o protocolo DisplayPort 1.4.

O teclado Lenovo TrueStrike da Legion 5 possui “Ç” e tem uma digitação muito confortável e precisa. É um caso espaçoso, de largura total, com um teclado numérico e um conjunto de teclas de cursor para facilitar a programação, além de ser totalmente iluminado.

A tela FHD neste modelo tem resolução de 1920×1080, painel IPS, taxa de atualização de 165Hz e acabamento mate. Os ângulos de visão são sólidos e não há escape de luz no painel. A cobertura de gama sRGB da Legion 5 de 94%, não é tão boa quanto a do MacBook mas ainda é uma ótima opção para edição e front-end.

Este painel usa o Advance Optimus para alternar entre o uso da GPU dedicada e os gráficos AMD sem a necessidade de reiniciar o PC. O Legion 5 conta com um desempenho excelente e é muito bem construído, é o notebook que recomendamos para os veteranos e seniores do setor de tecnologia.

Resenha dos usuários

Ficha técnica do Lenovo Legion 5

ProcessadorAMD Ryzen 7 5800H Octa Core – 3.2 Ghz (4.4Ghz turbo)
Memória RAM16GB DDR4 RAM
Armazenamento512GB SSD
GráficosNVIDIA GeForce RTX 3050 Ti 4GB GDDR6
Tela15,6 polegadas WVA 165Hz Full HD
Sistema operacionalWindows 10
BateriaAté 7 horas
Peso2,4 quilos

Confira o melhor preço!


3° Melhor notebook para programação full-stack: VAIO FE15

notebook para programacao vaio fe 15

Prós:

  • Muita memória RAM disponível
  • SSD espaçoso e com alto desempenho
  • Teclado resistente a água
  • CPU de oito núcleos

Contras:

  • A qualidade da tela não condiz com o preço
  • Teclado não-iluminado

Compre Online!

Análise

A série Vaio FE é uma das mais extensas vendidas no Brasil, aqui nós vamos analisar a FE15, que consideramos a mais versátil para desenvolvimento web back-end e front-end. Este notebook conta com 16GB de RAM, um teclado ABNT de tamanho completo e integração com a assistente inteligente Alexa.

  • 16GB de memória RAM
  • CPU Intel Core i5-1235U (12ª geração)
  • Gráficos Iris Xe integrados
  • SSD NVMe de 512 PCIe3 x4
  • Integração com a assistente inteligente Alexa
  • Cooler silencioso para um Ultrabook de 15 polegadas
  • Teclas com feedback preciso no padrão ABNT2 (com “Ç”)
  • Resistente a água

Na parte interna nós encontramos a CPU Intel Core i5-1235U (12a geração). O resto do sistema é bastante típico por sua faixa de preço, incluindo a tela IPS 1080p, gráficos Iris Xe integrados, e 16GB de memória RAM, mais do que o suficiente para manter muitos programas abertos ao mesmo tempo.

Nossa unidade inclui um SSD NVMe de 512 PCIe3 x4 da Netac que oferece taxas sequenciais de leitura e escrita de cerca de 2000 MB/s e 1100 MB/s, respectivamente. São boas especificações para um ultrabook que pesa menos de dois quilos.

A base de plástico fosco liso com tampa externa de metal e bordas arredondadas deixam o notebook com uma cara mais moderna. O teclado não é iluminado, mas consideramos a experiência da digitação excelente, pois as teclas têm um feedback preciso e uniforme. Ele é padrão ABNT2, com “Ç”, e é resistente a água.

“Tem inicialização rápida, é muito silencioso e a bateria dura bastante pelo preço. Não me deixou na mão em nenhum momento!”

Avaliação de usuário no Reddit

Seu painel fosco possui um espaço de cor sRGB de 69%. Tanto o contraste quanto o brilho são decentes em relação a outros Ultrabooks de médio porte. A imagem pode ser melhorada com uma calibração profissional, mas se seu trabalho envolve primariamente design e front-end, recomendamos o Legion G5 ou o Macbook Pro.

O cooler é mais silencioso do que muitos outros Ultrabooks de 15 polegadas. Apesar de ter somente um cooler o Vaio FE15 não esquenta muito mesmo em tarefas intensas. Ele também tem uma duração de bateria respeitável, de cerca de oito horas de uso real,

Há uma boa seleção de portas integradas incluindo 3x USB-A, leitor de cartões SD, HDMI e porta gigabit RJ-45. Possui suporte para carregamento USB-C e DisplayPort sobre USB-C. A parte de conexão sem fio é mais atrativa, com Wi-Fi 6 e Bluetooth 5.2.

O VAIO FE15 é u notebook bem versátil para quem precisa de muita memória RAM e um teclado preciso. A tela deixa a desejar, mas para a maioria dos desenvolvedores full-stack ele é um notebook eficiente e que não custa tão caro quanto os concorrentes.

Resenha dos usuários

Ficha técnica do VAIO FE15

ProcessadorIntel Core i5-1235U Octa Core – 3.3 Ghz (4.4Ghz turbo)
Memória RAM16GB DDR4 RAM
Armazenamento512GB SSD
GráficosIntel Iris Xe Graphics G7 80EUs
Tela15,6 polegadas IPS 60Hz Full HD
Sistema operacionalWindows 11
BateriaAté 8 horas
Peso1.75 quilos

Confia o melhor preço!


Confira também: Melhores headsets gamer sem fio e Como escolher um SSD M.2.

4° Melhor notebook para programação iOS: Apple MacBook Pro

notebook para programacao macbook pro m1

Prós:

  • Leve e compacto
  • Processador M1 com Neural Engine
  • Qualidade de imagem da tela sem igual
  • Maior duração da bateria dessa lista

Contras:

  • Alto custo

Compre Online!

Análise

Para quem trabalha com Swift ou Objective C ou desenvolve apps para iPhone e Macs, o MacBook Pro é o melhor notebook para programação, e é praticamente obrigatório para criar aplicativos e jogos para iOS e MacOS. Também é uma opção para webdev e para linguagens cross plataform.

  • Tela Retina de 16″ polegadas com alta densidade de pixels, excelente para webdev ou edição de mídia
  • Barra de toque
  • Maior duração de bateria desta lista: até 18 horas de uso contínuo
  • Processador Apple M2 com 12 núcleos e Neural Engine
  • 16GB de RAM
  • GPU dedicada integrada ao processador (acionada em tarefas intensas)
  • Arquitetura que permite alta eficiência energética

Este é o MacBook Pro com tela de 13″ polegadas, barra de toque e uma ótima configuração interna. A tela retina é um dos grandes destaques, sendo muito nítida e com uma densidade de pixels altíssima, tornando esse notebook ainda mais interessante para quem trabalha com webdev ou edição de mídia.

Ele é alimentado pelo processador Apple M2 com doze núcleos e Neural Engine combinado com 16GB de RAM. Para tarefas intensas, a GPU dedicada integrada ao processador é acionada, essa arquitetura permite uma eficiência energética muito alta.

Isso resulta na maior duração da bateria desta lista: até 18 horas de uso contínuo. Isso garante desempenho suficiente para inicializar todos os seus servidores locais, editores de código, navegador Safari com 15 guias de referencia abertas e você ainda terá espaço suficiente para abrir outros programas e executá-los simultaneamente.

“A velocidade do sistema operacional, de abertura de programas e principalmente de navegação é um diferencial. O design é por si só já o distancia bastante da concorrência.”

Avaliação de usuário no Youtube

A perfeita sincronização entre o MacOS e o hardware garante desempenho mais suave mesmo para tarefas exigentes. Claro, se você sentir falta de alguma ferramenta ou programa do Windows, pode usar um emulador como o Parallels sem grandes perdas de desempenho.

O Macbook Pro M1 é perfeito para quem precisa de um notebook com bateria de longa duração e altamente portátil, e ainda consideramos que seu maior destaque é a tela Retina. Como você já percebeu, esse notebook tem especificações técnicas incríveis, isso significa que ele tem um preço astronômico.

Custando mais do que alguns carros ou a entrada em um pequeno apartamento, poucos consumidores podem ter acesso ao MacBook Pro, e esse é o seu maior ponto negativo. Nós também esperávamos um armazenamento maior pelo preço, mas o SSD de 512GB deve atender bem a maioria das demandas profissionais.

Resenha dos usuários

Ficha técnica do Apple MacBook Pro

ProcessadorApple M2 12 Núcleos – 3.49GHz
Memória RAM16GB DDR4 RAM
Armazenamento512GB SSD
GráficosApple M2
Tela16 polegadas Full HD, Retina Display
Sistema operacionalMacOS Big Sur
BateriaAté 20 horas
Peso1,4 quilos

Confira o melhor preço!


Para melhorar sua experiência com produtos da Apple, escolha o Melhor SSD externo para Macs e Macbooks e Melhores mouses para Macbooks.

5° Melhor notebook para programar jogos: Dell G15

notebook para programacao Dell G15

Prós:

  • Teclado mecânico retroiluminado
  • GPU dedicada de alto desempenho
  • Tela de 120Hz
  • Bom espaço de armazenamento pelo preço

Contras:

  • Pouca RAM pelo preço
  • Menor temperatura um tanto alta (70°C)

Compre Online!

Análise

A série Dell G15 foi projetada especialmente para jogos, sendo uma das linhas de notebooks gamers mais reconhecidas no mercado. Por conta disso, ele é uma ótima opção para programação de jogos, seja em um título indie programado em Lua ou um game 3D pesado utilizando o motor Unity.

  • Teclado retroiluminado com ventilação
  • Tela FHD de 15,6 polegadas de 120Hz
  • CPU Intel Core i5-10500h com 6 núcleos
  • 8GB de RAM (expansível até 32GB)
  • SSD de 512GB
  • Porta HDMI 3.2 e Ethernet RJ45 gigabit
  • Placa de vídeo dedicada poderosa: GeForce GTX 1650 com 4GB

Por causa de seu teclado retroiluminado ergonômico e CPU eficiente, também pode ser usado para programação, especialmente pelos desenvolvedores de jogos, modelagem 3D e outras áreas que exigem um processamento gráfico intenso, pois esse notebook conta com uma placa gráfica dedicada.

Ele possui uma tela FHD de 15,6 polegadas e é uma das poucas telas 120Hz disponíveis no mercado, garantindo não apenas uma resolução altíssima quanto movimentos suaves. É um ótimo display, mas o Legion 5 visto acima tem uma taxa de resposta de 165Hz por um preço similar.

Por dentro, ele conta com uma CPU Intel Core i5-10500h com seis núcleos, capaz de lidar com todos os softwares, editores e IDEs com bastante facilidade. Ele também possui 8GB de RAM (que pode ser expandido até 32GB), teclado backlit mecânico e um armazenamento SSD de 512GB.

“Uso ele para trabalho (desenvolvimento e IA) e atividades rotineiras, além de entretenimento. O notebook é ótimo em termos de desempenho e passa segurança em relação a durabilidade do material.”

Avaliação de usuário na Amazon

Por ser um notebook gamer, ele tem uma placa de vídeo dedicada muito poderosa quando comparada aos concorrentes. Mas ao contrário do que se espera de um PC gamer, ele vem pré-instalado com Ubuntu, o que não deve ser um problema para quem vai utilizá-lo para programação.

  • Trabalhos com machine learning, PLN e outras áreas de inteligencia artificial
  • Desenvolvedores de jogos
  • Modelagem 3D
  • Outras áreas que exigem processamento gráfico intenso

A GeForce GTX 1650 é bem conhecida no mercado de desktops personalizados, e está presente no Dell G15 em sua versão com 4GB GDDR6. Isso significa que você será capaz de realizar qualquer tarefa graficamente intensiva, incluindo modelagem 3D ou programação de jogos. 

O Dell G15 é uma ótima opção para renderização e para projetos complexos com Unity ou Unreal Engine. Se você está planejando criar jogos mais simples, o Ideapad 3 analisado acima pode ser uma alternativa bem mais barata.

Resenha dos usuários

Ficha técnica do Dell G15

ProcessadorIntel Core i5-10500H Hexa Core – 2.5 GHz (4.5 GHz turbo)
Memória RAM8GB DDR4 RAM
Armazenamento512GB SSD
GráficosNVIDIA GeForce GTX 1650 4GB GDDR6
Tela15,6 polegadas WVA 120Hz Full HD
Sistema operacionalUbuntu LTS
BateriaAté 7 horas
Peso2,41 quilos

Confira o melhor preço!


Para acompanhar seu notebook para programação de jogos, veja o nosso Top 9 – Melhores teclados Bluetooth e Top 12 – Melhores mouses gamers.

6° Melhor notebook para desenvolvimento mobile: HP G9

notebook hp g9

Prós:

  • Conexão WiFi 6 com os padrões mais recentes
  • Webcam e microfone integrados de alta qualidade
  • CPU com 10 núcleos
  • Estrutura leve e resistente de alumínio

Contras:

  • Sem GPU dedicada
  • A CPU tem um apenas 2 núcleos de alto desempenho

Compre Online!

Análise

O notebook HP G9 é um dispositivo confiável, fácil de manter e com um ótimo custo-benefício. Com seu processador Intel Core i5-1215U, 8 GB de RAM e SSD de 256 GB, ele oferece um bom desempenho para tarefas de programação, desenvolvimento e planejamento mais comuns.

  • Intel Core i5-1215U (10 cores, sendo 2 de alta performance e 8 de eficiência energética)
  • 8GB of RAM (com armazenamento expansível)
  • 256GB de armazenamento SSD
  • Wi-Fi 6 e Bluetooth 5.2
  • Porta RJ45 e USB-C com suporte para Thunderbolt 4
  • Webcam com resolução HD
  • Microfone integrado com redução de ruído por IA

O G9 apresenta uma tela HD de 15,6 polegadas tem uma resolução de 1920 x 1080 pixels, proporcionando imagens nítidas e claras, mas não é Full HD. O painel IPS oferece ângulos de visão amplos, o que o torna adequado para compartilhar apresentações ou lidar com trabalhos em grupo.

O processador Intel Core i5-1215U oferece um bom equilíbrio entre desempenho e eficiência. Ele tem 10 núcleos (2 núcleos de desempenho e 8 núcleos de eficiência), o que lhe permite lidar com várias tarefas simultaneamente sem diminuir a velocidade. Os 8 GB de RAM podem ser expandidos e o SSD de 256 GB é suficiente para a maioria dos programadores.

O G9 vem com uma variedade de opções de conectividade, incluindo Wi-Fi 6, Bluetooth 5.2 e uma porta USB-C com suporte a Thunderbolt 4. Ele também tem duas portas USB-A, uma porta HDMI e um leitor de cartão microSD. A webcam, microfone e alto-falantes facilitam seu uso durante as reuniões no Zoom (ou no Teams, se você não tiver tanta sorte).

Isso permite que os programadores conectem facilmente monitores externos, dispositivos de armazenamento e outros periféricos. A webcam integrada tem resolução HD e um microfone com redução de ruído AI.

“Estou usando para trabalhar principalmente com com VS Code e Android Studio faz alguns meses e não tenho o que reclamar. O notebook é rápido e leve, era o que eu estava procurando.”

Avaliação de usuário na Amazon

A falta de uma GPU dedicada deixa o seu preço mais acessível e pode funcionar bem para muitos programadores. Mesmo assim, se você precisa executar aplicativos com uso intensivo de gráficos, virtualização ou desenvolver jogos, deve considerar um notebook com uma GPU mais potente.

O HP G9 tem uma bateria de 3 células e 41Wh que proporciona até 8 horas de duração da bateria. Isso é suficiente para um dia inteiro de trabalho sem a necessidade de recarga, mas pode ser um problema se você quer usá-lo durante o descanso. O notebook pesa pouco menos de 2,5 kg.

O HP G9 é um notebook acessível, com uma ótima CPU e uma webcam de alta qualidade. A falta de uma placa gráfica discreta pode ser um problema para certas cargas de trabalho, mas ele vai funcionar bem para programadores que estão começando agora, para webdev e desenvolvimento mobile.

Resenha dos usuários

Ficha técnica do HP G9

ProcessadorIntel Core i5-1215U dez núcleos – 3.3 Ghz (4.4Ghz turbo)
Memória RAM8GB DDR4 RAM
Armazenamento256GB SSD
GráficosIntel UHD Graphics da 12ª geração
Tela15,6 polegadas IPS HD
Sistema operacionalWindows 10
BateriaAté 8 horas
Peso2,5 quilos

Confira o melhor preço!


7° Melhor notebook high-end: Samsung Galaxy Book3 Ultra

notebook Samsung Galaxy Book3 Ultra

Prós:

  • Tela touch fotorrealista AMOLED 3K e 120 Hz
  • 32GB de RAM e 1TB de ROM
  • CPU com 20 threads e GPU RTX 4050
  • Até 17 horas de bateria

Contras:

  • Alto custo

Compre Online!

Análise

O Samsung Galaxy Book3 Ultra é um notebook top de linha que oferece desempenho excepcional e uma especificação técnica muito impressionante. Ele tem a maior quantidade de RAM e de armazenamento interno na lista, uma CPU 13ª geração, uma tela AMOLED 3k e um preço bem salgado.

  • CPU Intel Core i9-13900H
  • 32GB de memória RAM RAM
  • 1TB de armazenamento SSD
  • Tela AMOLED de 16” com qualidade de cinema
  • Chassi leve e ultra fino de alumínio
  • S Pen inclusa, permite realizar anotações diretamente na tela
  • Wi-Fi 6E e Bluetooth 5.2
  • Cerca de 17 horas de duração da bateria

Equipado com o processador Intel Core i9-13900H 14 núcleos e 32 GB de RAM, o Book3 Ultra oferece potência de sobra para executar os softwares de programação mais pesados. Seu SSD de 1 TB oferece amplo armazenamento. Só essas características já o elevam de qualquer outro notebook visto acima.

O Book3 Ultra está equipado com uma placa gráfica Nvidia GeForce RTX 4050, uma das mais populares em PCs high-end. Ela pode lidar facilmente com tarefas ligadas a machine learning e modelos de IA, sejam de texto ou de imagem (e com certeza de vídeo quando eles estiverem mais maduros).

O notebook oferece todas as conexões físicas que você pode esperar, incluindo Thunderbolt 4, USB-C, Ethernet gigabit, HDMI 3.2 e um slot para cartão microSD. Ele também é compatível com Wi-Fi 6E e Bluetooth 5.2 para conexões sem fio rápidas e confiáveis de última geração.

“A performance desse notebook é assustadora! Uso principalmente para Stable Diffusion e para jogar com FPS sempre acima de 60, ele lida com tudo sem o menor esforço e a bateria dura uns dois dias.”

Avaliação de usuário no Reddit

A tela com certeza é um dos destaques nele. O painel touch AMOLED 3K, taxa de atualização de 120Hz e volume de cor 120% DCI-P3 garantem uma experiência perfeita de cores e contraste. O Book3 Ultra vem com uma caneta stylus S Pen integrada, permitindo que ele seja usado como um caderno ou mesa de desenho. 

Ele tem uma bateria de longa duração, de até 17 horas, rivalizando com os Macbooks que geralmente reinam nessa parte. O Samsung Galaxy Book3 Ultra também pode competir na categoria de notebook mais leve, pesando apenas 1,8 kg. Ele conta com uma webcam HD e alto falantes Dolby Atmos. 

O Book3 Ultra é um dos melhores notebooks à venda no Brasil. E essa ficha técnica excessiva tem um preço altíssimo que simplesmente não faz sentido para a maioria dos programadores. Mesmo assim ele é mais barato que os produtos da Apple e oferece uma experiência perfeita em cada detalhe.

Resenha dos usuários

Ficha técnica do Samsung Galaxy Book3 Ultra

ProcessadorIntel Core i9-13900H 14 núcleos – 4.1 Ghz (5.4Ghz turbo)
Memória RAM32GB DDR4 RAM
Armazenamento1TB SSD
GráficosNvidia GeForce RTX 4050 6GB GDDR6
Tela16 polegadas AMOLED 3K 120 Hz
Sistema operacionalWindows 10
BateriaAté 17 horas
Peso1,8 quilos

Confira o melhor preço!


Você precisa de um notebook potente para programar?

A maioria dos softwares utilizados para programar não pesa muito e um notebook de gama média pode funcionar muito bem para um desenvolvedor. Mas também existem áreas que exigem muito mais potência de uma máquina, como machine learning, desenvolvimento de jogos ou tarefas de virtualização.

melhor-notebook-para-programacao

Portanto, para responder a essa pergunta é preciso mais do que apenas um sim ou um não. É possível programar em dispositivos medianos, mas você precisa ter uma ideia das necessidades técnicas das ferramentas que você vai utilizar no seu trabalho ou estudo. 

As especificações mínimas para o notebook ideal para programar são:

  • Processador (CPU): Intel Core i5 (5ª geração) ou AMD Ryzen 5
  • RAM (memória): Mínimo de 8 GB de RAM
  • Armazenamento: SSD de 256 GB, HDDs não devem ser considerados

Portanto, se você estiver trabalhando em áreas mais pesadas ou não tiver tempo para sentar e esperar que o notebook renderize seus projetos, sugerimos um notebook mais potente. Uma placa gráfica dedicada costuma ser o grande diferencial entre um notebook de gama média e um high end.

notebook para desenvolvimento

Uma parte que não está diretamente ligada a ficha técnica mas faz uma enorme diferença em um notebook pra programar é o teclado. Como a programação envolve muita digitação, você precisa de um teclado com excelente deslocamento e com um feedback tátil que te agrade.

Um teclado numérico também pode ser muito útil. Além disso, uma tela de alta resolução e alta taxa de atualização deve tornar seu trabalho mais confortável, pois você passará muitas horas olhando para ela, mas não chegam a ser características essenciais.

Qual CPU é melhor para programar em um notebook?

A contagem de núcleos (cores) e threads são um bom ponto de partida. 4 núcleos são o mínimo que você precisa para realizar qualquer tarefa média de programação confortavelmente, e a maioria das gerações de processadores atuais possui 8 núcleos ou mais.

Essas CPUs com 8 núcleos ou mais são capazes de lidar com ferramentas complexas, como máquinas virtuais, simulações e processamento de linguagem natural, além de manter os ambientes de desenvolvimento integrado (IDE) rodando sem atrasos em projetos extensos.

A frequência do processador (medida em GHz) é outro fator importante. Para as tarefas pesadas mencionadas acima, você precisa de CPUs com 4,5 GHz ou mais. Para tarefas mais simples, qualquer CPU acima de 3,0 GHz vai funcionar bem.

notebook rodando ide

As classificações de potência são outro bom indicador do desempenho geral. Embora haja mais nuances, uma boa regra geral é que quanto maior a potência — apresentada como potência de projeto térmico (TDP) ou “Potência Base” nos chips Intel mais recentes — melhor o desempenho relativo. 

As CPUs de baixa potência podem não oferecer a mesma força, mas têm o benefício alternativo de serem mais eficientes em termos de bateria. Decidir qual é a sua prioridade entre entre potência e eficiência energética vai te ajudar a encontrar uma boa combinação.

A outra questão é o fabricante. A Intel é o maior nome em processadores, mas os chips da AMD podem oferecer uma alternativa acessível e que rapidamente vem aumentando sua presença no mercado, e os usuários de Mac receberão o Apple Silicon série M (a não ser que você compre um antigo). 

  • Intel: O maior nome em processadores, conhecido pelos chips de alto desempenho e por ser a marca mais popular.
  • AMD: Oferece alternativas econômicas para os processadores Intel, algumas opções com uma performance melhor em certas tarefas.
  • Apple Silicon: A opção padrão para usuários de Mac, com processadores baseados em ARM e alta eficiência energética.

Qual é o melhor tamanho de tela para programação?

Como mencionado acima, é difícil responder a essa pergunta sem conhecer mais detalhes. Essencialmente, depende da preferência pessoal e de como você trabalha. Apesar de notebooks serem desenvolvidos para serem transportados, não é incomum que eles sejam usados de modo estacionário 

melhor notebook para programar

Se você realmente leva o seu notebook pra todo canto, telas de 13 a 14 polegadas oferecem a maior portabilidade. Isso mantém o dispositivo leve e fácil de guardar, ao mesmo tempo em que oferece espaço suficiente na tela para visualizar seu código e trabalhar em uma janela por vez, talvez duas. 

Uma tela de 15 polegadas ou maior vai pesar mais e ocupar mais espaço, mas também oferece muito mais espaço para trabalhar com mais janelas e uma área de edição maior. Se você vai passar a maior parte do tempo com o notebook parado em um local, é melhor investir em uma tela grande.

Qual é a quantidade de RAM em um notebook para programação?

Mais uma vez, isso depende do seu tipo de trabalho e das ferramentas que você usa. Realizar várias tarefas ao mesmo tempo também influencia a quantidade necessária, e quanto mais programas abertos, maior a necessidade de RAM.

8 GB de memória RAM costumam ser gerenciáveis. À medida que os tamanhos dos arquivos se tornam mais complexos ou até maiores, um notebook com apenas 8 GB de RAM pode levar mais tempo para processá-los. Entretanto, essa quantidade ainda pode dar conta do recado na maioria das tarefas.

Para tarefas mais complexas, como lidar com máquinas virtuais, criptografia, várias instâncias de IDEs ou simplesmente em projetos enormes, geralmente é melhor escolher um notebook com 16 GB de RAM ou mais.

Um notebook para programar precisa de placa de vídeo?

A escolha entre um notebook com gráficos integrados ou um processador gráfico dedicado/discreto depende do seu tipo de tarefa e work flow. Alguns tipos de programação mais voltadas para front end ou em pequenos projetos geralmente não requer uma placa de vídeo dedicada, a integrada a CPU vai dar conta do recado.

Por outro lado, algumas tarefas e programas simplesmente requerem uma GPU dedicada.

melhores notebooks para programar 1

Ambientes de desenvolvimento integrado (IDEs) e interface do usuário:

  • Muitos IDEs, como o Visual Studio, dependem do poder de processamento gráfico para lidar com a interface do usuário sem problemas.
  • Sem uma GPU dedicada, esses programas podem apresentar atrasos ou congelamento durante o uso.

Aprendizado de máquina e processamento paralelo:

  • Se você precisar aproveitar o aprendizado de máquina ou processamento de linguagem natural em seus projetos, um sistema equipado com GPU dedicado é essencial.
  • As GPUs da NVIDIA contêm núcleos CUDA e Tensor especializados que podem acelerar significativamente o aprendizado de máquina e as tarefas de processamento paralelo.

Desenvolvimento de jogos e uso pessoal:

  • Se além de programar, seu trabalho ou hobby exige criar e renderizar gráficos 3D ou editar vídeos em HD, você precisa de uma GPU dedicada.
  • Muitos programadores também usam suas máquinas para jogos e outras tarefas com uso intensivo de gráficos durante o tempo livre.
  • Uma GPU dedicada vai proporcionar uma experiência superior em jogos e lidar com aplicativos gráficos exigentes.

CPUs da Apple e gráficos integrados:

  • Os processadores da série M da Apple, incluindo os modelos M3 mais recentes, apresentam gráficos integrados que são altamente capazes para tarefas de aprendizado de máquina.
  • A arquitetura de memória unificada no Apple Silicon permite que a GPU acesse mais memória do que as GPUs discretas, então ele pode ser usado para tarefas de IA e PLN.

Embora uma GPU dedicada não seja uma necessidade para programar, ela pode proporcionar benefícios significativos em termos de desempenho geral, aprendizado de máquina acelerado e processamento paralelo, além de melhor desempenho gráfico para jogos e outros casos de uso pessoal. 

Me siga!
Redator em Guia de Compra
Formado em jornalismo pelo CES-JF e redator com mais de 10 anos de experiência. Ian Rodrigues fundou o Guia de Compra com a visão de criar um espaço especializado e confiável, com artigos revisados por especialistas e recomendações independentes.
Ian Rodrigues
Me siga!
Últimos posts por Ian Rodrigues (exibir todos)
melhor notebook para programar

2 comentários em “7 Melhores Notebooks para Programar | Dell, HP e mais!”

  1. Achei os equipamentos indicados muito fracos. O importante para programação não é apenas a linguagem, tem que levar em consideração que o programador precisará instalar um banco de dados, IDE, precisa de uma boa conexão com a internet, prever que precisará de uma câmera para eventuais vídeos conferencias com os clientes e a conectividade (USB, HDMI, RJ45, WI-FI 6, Bluetooth 5.2). Isso é o básico e para tanto precisa pelo menos de um processador i7 (12a. Geração), 16 Gb (DDR5), tela de 15,6″ FHD. Assim você consegue mais produtividade e longevidade com seu equipamento. Os equipamentos indicados, em 2 anos, já estarão ultrapassados e precisarão ser trocados. Por isso tem que ter um equipamento que possa sofrer upgrade de memória e armazenamento.

    1. Pontos válidos, Walter! A possibilidade de fazer upgrades é muito importante para fazer esse investimento valer a pena. Todos os notebooks da lista suportam upgrade de RAM e de armazenamento, apenas o MacBook Pro é a exceção, como infelizmente é o padrão da Apple. Todos possuem webcam e Bluetooth e quase todos possuem conexão RJ45 (mais uma vez apenas o aparelho da Apple não conta com essa característica). Vou atualizar o texto para deixar essas informações mais claras.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *