Melhor Mac para Edição de Vídeos – 2021

edição de vídeo Macbook Pro MR942BZA 15 polegadas

Sou um editor de vídeos, então qual Mac eu deveria comprar: iMac, Mac Pro, MacBook Pro, MacBook Air ou MacBook? Nós analisamos cada um para descobrir qual Mac vale mais a pena para edição de vídeo profissional e amadora. Existe um modelo ideal para cada tipo de tarefa e para cada tipo de usuário, do que trabalha em um grande estúdio e precisa de uma máquina poderosa e estacionária até quem precisa fazer edições de qualquer lugar, usando um equipamento leve e portátil.

edição de vídeo iMac Apple MNE92LLA 27 polegadasapple mac proedição de vídeo Mac Miniedição de vídeo Macbook Pro MR942BZA 15 polegadas
iMac (2017)Mac ProMac MiniMacbook Pro
Intel Core i3 Quad Core

8GB RAM

256GB HD

Intel Xeon E5 Quad Core

12GB RAM

256GB SSD

M1 Oito Núcleos

8GB RAM

512GB SSD

Intel Core i9 Oito Núcleos

16GB de RAM

1TB SSD

Cerca de R$ 16.800Cerca de R$ 27.000Cerca de R$ 9.000Cerca de R$ 32.200
Comprar onlineComprar onlineComprar onlineComprar online

Se você não faz questão de comprar um produto da Apple ou usar MacOS, pode montar uma máquina mais em conta. Confira como montar um computador para edição de vídeo barato.

Melhor Mac para edição de vídeo: Resumo

Qual é o melhor Mac para edição de vídeo? É uma questão que muitos dos nossos leitores se perguntam. Os Macs da Apple são particularmente capazes de editar vídeos com rapidez, e muitos editores de vídeo optam por investir no hardware mais recente do Mac. Tradicionalmente, um computador Mac de algum tipo é a única opção que faz sentido para profissionais de vídeo.

Mas escolher o Mac certo para edição de vídeo pode ser um desafio. A Apple possui uma vasta gama de computadores portáteis Mac OS X (notebooks MacBook de 12 polegadas e vários tamanhos do MacBook Air e MacBook Pro) e computadores de mesa (desktops iMac, Mac mini e Mac Pro), e cada linha possui modelos diferentes com configurações variadas. Embora todos os Macs da Apple sejam bem projetados e bem feitos, alguns Macs são mais adequados para edição de vídeo do que outros. Vamos dar uma olhada nos seguintes modelos principais:

Com isso em mente, criamos este guia para comparar os modelos da Apple com melhor desempenho em edição de vídeo. Neste artigo, analisamos o que um computador precisa para ser realmente bom em edição e os recursos pelos quais você deve pagar a mais e quais não são tão importantes. Em seguida, analisamos atentamente a variedade de computadores Mac disponíveis e as opções personalizadas do Mac sob encomenda que merecem consideração.

 

Melhor Mac para edição de vídeo: o que você precisa saber

A edição de vídeo é um desafio para qualquer sistema de computador e a edição profissional de vídeos requer um sistema de altíssima qualidade. É claro que todos os Macs podem editar vídeos de maneira casual, mas há uma diferença entre editar um clipe rápido para o YouTube e editar um filme inteiro em alta qualidade.

Macs são usados para editar filmes completos, programas de TV, comerciais e videoclipes profissionais online. A Rede Social, John Carter, 300 e Onde os Fracos Não Têm Vez são todos filmes de grande importância que foram editados em um Mac usando o Final Cut Pro. Então o eco sistema Apple tem muita experiência com esse tipo de trabalho pesado. Devamos salientar que a maioria dos filmes são cortados usando o software Avid, muitas vezes em hardware Mac.

Vídeo digital em HD demanda uma grande potencia do processador, na placa gráfica (para renderização) e – acima de tudo – no espaço de armazenamento. A edição de vídeo, especialmente vídeo de alta definição, consome muito espaço no disco rígido. E com a edição 4K agora fazendo parte da vida cotidiana, isso só vai se tornar mais um problema.

 

Melhor Mac para editores de vídeo profissionais: iMac (2017)

edição de vídeo iMac Apple MNE92LLA 27 polegadas

Comprar iMac Online

Todos os requisitos de vídeo levam naturalmente ao iMac com Retina Display. Espere, e o Mac Pro? Bem, vamos falar dele mais a baixo, mas primeiro vamos ver porque o iMac de ponta é uma escolha melhor para a maioria dos usuários.

O iMac de 21 polegadas com Retina 4K Display pode não ter “Pro” em seu nome, mas uma olhada rápida em seu conjunto de hardware e você verá rapidamente que ele foi pensado para profissionais exigentes. O modelo básico vem com uma CPU Intel i3 quad-core oitava geração de 3,6 GHz e um uma GPU Radeon Pro 555X com 2 GB de memória de vídeo GDDR5. Ele vem com 8GB de RAM como padrão, atualizável para 32GB. Você obtém um SSD de 256GB no modelo básico; até 2TB Fusion Drive no modelo top de linha.

Então chegamos às opções de construção por encomenda. As melhorias possíveis incluem um Intel I7 quad-core de 4,0GHz; você pode atualizar para um Fusion Drive de 3TB, e o modelo top recebe uma placa gráfica diferente – um AMD Radeon Pro 580 com 8GB de memória de vídeo.

Não é incrivelmente barato para os consumidores comuns, mas os profissionais de edição de vídeo vão achar os preços interessantes. O modelo de entrada pode ser encontrado por cerca de R$ 16.000 com o SSD padrão. Se você quiser adicionar todos os upgrades oferecidos pela Apple, ele facilmente passa dos R$ 20.000.

O armazenamento interno não é o melhor da categoria, e você vai ter que investir em mais armazenamento no futuro, seja expandindo o SSD interno ou utilizando um RAID externo. Embora soe muito caro (e realmente seja), ainda é mais barato que o modelo Mac Pro base e uma grande tela embutida. E a tela não é grande só no tamanho.

Um display sem iguais no mercado, o 4K Retina Display no iMac é uma coisa de beleza e nitidez únicas. Em nossa análise, testamos a tela e encontramos a maior taxa de contraste que já vimos, e ela exibe 99% do espaço de cor da DCI-P3. (DCI-P3 é o espaço de cores para a projeção digital de filmes). Como o Retina Display está integrado ao iMac, ele é executado a 60 MHz em vez dos 30 MHz encontrados na maioria dos monitores 4K.

O tamanho de 4K é perfeito para edição de vídeo, pois permite que você edite vídeo em ultra HD em tamanho real e veja os controles em torno dele. Não há dúvidas: quando se trata de velocidade e custo, é melhor investir um iMac. Se o objetivo final é ter a máquina mais poderosa possível, um Mac Pro pode te servir melhor.

 

Melhor Mac para edição de vídeo por desempenho: Mac Pro

 

apple mac pro

Comprar Mac Pro Online

A edição de vídeo coloca enormes demandas em um sistema, especialmente ao editar vídeo junto a gráficos 3D. O Mac Pro da Apple é uma potência em desempenho, com um processador Intel Xeon E5 quad-Core ou 6-Core, uma placa gráfica AMD FirePro (com 2GB ou 3GM GDDR5 VRAM em cada placa) e armazenamento flash PCIe integrado.

Não está dentro da faixa de preço da maioria dos consumidores, com a versão mais básica saindo por cerca de R$ 18.700, mas para profissionais de vídeo oferece alto desempenho por um preço razoável.

Existem dois problemas com o Mac Pro, no entanto. O primeiro é a falta de armazenamento interno. Ele vem com 256 GB de armazenamento flash baseado em PCIe. Vamos ser claros: essa unidade é incrivelmente rápida, mas é pouco espaço para edição de vídeos, e você vai ter que gastar mais para fazer um upgrade de 512GB ou para uma unidade de 1TB.

E mesmo 1 TB é um pouco pequeno para edição de vídeo em alta qualidade, então a maioria dos usuários terá que anexar um disco rígido externo ao computador. Felizmente, graças à incrível conexão Thunderbolt, há pouca diferença entre o armazenamento externo e um disco rígido interno.

A falta de armazenamento interno aponta para um problema maior que os editores de vídeo têm com o Mac Pro. Seu design super pequeno tem muitos benefícios: baixo consumo de energia, aparência elegante e fácil acesso. Mas é feito inteiramente de peças personalizadas: você não pode simplesmente colocar discos rígidos maiores ou substituir a placa gráfica. Embora seja tecnicamente possível atualizar, a única parte facilmente encontrada no mercado parece ser a memória RAM.

Se o dinheiro realmente não é um problema, é possível levar o Mac Pro a alturas estratosféricas. Você pode obter uma CPU com 12 núcleos de 2,7 GHz, 64 GB de RAM, unidade flash PCI-e de 1 TB e GPUs Dual AMD FirePro D700 com 6 GB de RAM cada. Tudo isso por soma principesca próxima dos R$ 60.000.

Quem compraria tal computador? Não um editor de vídeo, provavelmente. Talvez se você estivesse trabalhando com imagens 3D médicas com óculos estereoscópicos VR, poderia justificar esse preço. No entanto, não há como negar que ele é muito poderoso e, se você gastar mais tempo renderizando vídeo (em particular, em vídeo 3D), talvez ache que o Mac Pro oferece um aumento de velocidade suficiente para ser útil. Para a maioria das pessoas, no entanto, até os editores de vídeo de última geração, achamos que o iMac acima é uma escolha mais inteligente.

 

Melhor Mac para edição de vídeo barato: Mac Mini

edição de vídeo Mac Mini

Comprar Mac Mini Online

Se o Mac Pro e o iMac forem muito caros, você terá que recorrer a linha de consumidores da Apple, que possui um custo-benefício melhor. Nós vamos descartar o MacBook Air e o MacBook de 12 polegadas logo de cara por falta de potência: esses são ótimos computadores e você pode definitivamente editar vídeo curtos neles, mas eles não têm espaço de armazenamento suficiente, processamento gráfico ou capacidade de processamento para serem considerados o melhor Mac de entrada para edição de vídeo.

O Mac Mini é a melhor escolha para Mac barato de edição de vídeos. Fique bem longe do modelo básico de entrada: seu processador de 1.4GHz tornará a edição de vídeo dolorosamente lenta. Mas o modelo intermediário de cerca de R$ 9.000 tem um processador M1 de oito núcleos núcleos, 512GB de armazenamento SSD e 8GB de RAM, o suficiente para fazer edições sérias em vídeos de maior qualidade.

Como você pode perceber, o Mac Mini tem especificações internas até superiores em alguns aspectos aos modelos vistos acima, o seu ponto negativo é que essa especificação base não pode ser modificada. Você não vai poder inserir mais armazenamento ou memória RAM no futuro, por exemplo. Isso pode ser parcialmente contornado usando pen drives ou serviços na nuvem.

É uma ótima opção em custo-benefício para editores de vídeo amadores ou menos exigentes que procuram uma máquina capaz, mas barata e ainda dentro do ecosistema Apple. Se você procura uma opção ainda mais barata, é perfeitamente possível montar seu próprio computador para edição de vídeos por um preço bem menor do que o do Mac Mini.

 

Melhor Notebook Mac para edição de vídeo: MacBook Pro

edição de vídeo Macbook Pro MR942BZA 15 polegadas

Comprar MacBook Pro Online

Se você está atrás de uma solução portátil, o novo notebook MacBook Pro é o melhor para você, mas se prepare para pagar a mais por essa versatilidade.

A mais nova versão do MacBook Pro conta com um processador Intel i9 atualizado e uma interface bastante agradável na Barra de Toque logo acima do teclado. É um notebook sólido e pode lidar muito bem com edições de vídeo mais complexas, mas essa é uma opção extremamente cara. Se você está disposto a pagar o preço de um carro zero quilômetros no seu notebook, continue lendo.

Em relação a performance, você encontra um Intel Core i9 de oito núcleos de 2.3GHz, e possui 1TB de armazenamento SSD com 16GB de memória RAM, que pode ser expandida para 64GB.  Ele ainda conta com uma GPU Radeon Pro 5000M com 4 GB de memória GDDR6 emparelhado com um Intel UHD Graphics 630 para uma renderização rápida e eficiente. São especificações perfeitas para edição de vídeos, e é claro que a tela que precisa acompanhar esse nível de qualidade.

O notebook tem uma tela Retina retroiluminada de 16 polegadas e sim, é muito nítida como é de se esperar da Apple. A resolução de 3072 x 1920 é um sonho, não importa o que você esteja visualizando, e é, para edição de mídia, preferível à alternativa mais leve e fina de 13 polegadas. 220 pixels por polegada com um brilho de 500 nits e uma ampla gama de cores P3 completam as especificações. Não há do que reclamar nesse notebook na questão de performance, mas poucos usuários poderão desfrutar dele.

 

Melhor Mac de edição de vídeo para armazenamento: antigo Mac Pro (2013)

O antigo Mac Pro anterior a 2013 era a melhor opção para edição de vídeo, mas agora é melhor usado como um grande servidor.

Você costumava ser capaz de pegar um modelo Quad-Core ou 12-Core, que fazia um excelente trabalho de renderização de vídeo. Ele vinha com 6 GB de RAM no modelo de entrada, que poderia ser facilmente atualizada e por um preço melhor ao escolher o produto de outra empresa, como a Crucial; você também podia compra-lo com um disco rígido de 1TB, mas ele tem quatro slots, cada um capaz de levar até 3TB. Mais uma vez, estes poderiam ser comprados de outras empresas por um preço menor. E vem com uma placa gráfica ATI Radeon HD com 1GB de RAM GDDR5.

Nós realmente não sugerimos voltar a um modelo antigo, mas algumas pessoas ainda os usam normalmente. Acreditamos que faz mais sentido escolher um modelo mais novo com uma pequena quantidade de armazenamento flash (que é rápido para executar programas) e armazenar o material de vídeo em um disco rígido externo.

O Mac Pro pós-2013 é, como mencionamos, um exagero. A velocidade de processamento é desnecessária na maioria dos casos, a quantidade de armazenamento interno é muito pequena (ou muito cara) e não possui as opções de upgrade interno do antigo Mac Pro. Com o iMac você obtém uma máquina de edição de vídeo perfeitamente funcional com uma tela incrível pelo mesmo dinheiro. Mas existem usos pra tudo, e se o armazenamento for tão importante pra você, o antigo Mac Pro é sua única escolha.

Outro problema é a disponibilidade no Brasil. Esse modelo não é mais comercializado novo em lojas normais, então você precisa de sorte para encontrar um usado em sites de leilão.

 

Melhor Mac para edição de vídeo: Conclusão

Qual Mac você deveria comprar? Isso depende se você é um editor de vídeo profissional que precisa cumprir prazos ou é um entusiasta amador.

Se você está apenas procurando por um ótimo Mac para editar e renderizar vídeos em alta qualidade, então recomendamos o iMac de 27 polegadas com Retina 5K Display, é o modelo que atende melhor a maioria dos usos. Ele oferece a melhor combinação de velocidade, armazenamento e uma tela grande e bonita para trabalhar.

O MacBook Pro com tela Retina é uma boa máquina de edição de vídeo portátil e a melhor escolha para quem trabalha em escritórios diferentes, leva trabalho para casa ou viaja muito.

Se você está sendo pago para fazer renderizações pesadas por hora, vá com o Mac Pro: ele não é uma máquina versátil e peca muito no quesito armazenamento, mas sua força bruta funciona muito bem para processamento digital.

Se você só faz edições mais básicas e não se importa se a renderização demorar um pouco, o Mac Mini é a opção mais conta, desde que você inclua a compra de um bom monitor no orçamento.

 

Melhor Mac para edição de vídeo: acessórios para edição de vídeo em Mac

Provavelmente, a coisa mais importante para obter com o seu Mac para edição de vídeo será mais espaço de armazenamento – um bom disco rígido externo com uma conexão Thunderbolt rápida irá ajudá-lo bastante e deve sair mais barato do que fazer o upgrade internamente. Se você precisa de muito armazenamento e muita velocidade, um sistema RAID Thunderbolt é a melhor escolha.

Alguns dos Mac acima não são vendidos junto com os periféricos padrão da Apple. Se você precisa de um mouse igualmente bom, o Magic Mouse 2 tem um design super leve e recursos de rastreamento a laser que tornam precisas até as menores alterações em praticamente qualquer superfície.

Você também desejará algum software de edição de vídeo. Esperamos que o Final Cut Pro esteja no topo da sua lista. Mas há vários outros programas de software de vídeo lá fora, incluindo o Avid Media Composer 6.5 e Adobe Premiere Pro (que está disponível como parte do plano Creative Cloud da Adobe).

Não se prenda ao ecosistema Apple nessa parte; O Avid Media Composer ainda é o principal programa da indústria para edição de vídeo, e o Premiere Pro tem muitas vantagens sobre o Final Cut Pro para formatos de renderização. A Adobe também lançou recentemente o Premiere Pro Clip, permitindo que as pessoas editem vídeos em movimento.