Melhores mochilas escolares de 2019

Melhores mochilas escolares de 2019

mochila escolar vermelha

As mochilas escolares fazem parte da vida da maioria das crianças, e como elas passam muito tempo as carregando pra lá e pra cá, é importante escolher o modelo ideal para cada situação. Seja uma mochila comum ou uma mochila de rodinhas, existem certos cuidados que você deve tomar antes de comprar, como as dimensões corretas. Uma boa mochila vai durar muitos anos, então esse é um investimento que vale a pena. Para acertar na compra, você precisa considerar o peso, a capacidade, a versatilidade e, é claro, a aparência da mochila, que deve agradar o gosto dos pequenos.

Analisamos as mochilas de marcas bem estabelecidas e também de algumas marcas desconhecidas para descobrir quais são as melhores. Um dos fatores mais importantes foi a capacidade das mochilas de suportar as provações e os trancos de acompanhar uma criança dia após dia, ano após ano, sobrevivendo a todos os tipos de brincadeiras e de artes possíveis. Há muitas mochilas mal construídas no mercado, e queríamos recomendar apenas as que resistirão bem ao longo do tempo, protegendo os livros e trabalhos escolares.

Melhores mochilas escolares

Mochila Spiderman 18M – Sestini

melhor mochila infantil para meninos

Com um lindo design que deve agradar a maioria dos meninos, essa mochila é feita de poliéster resistente, que tem capacidade de carregar até 18 litros. As alças são anatômicas e acolchoadas. Ela ainda conta com bolsos laterais de fácil acesso e um identificador, para colocar o nome da criança.

 

Mochila Barbie 17M – Sestini

melhor mochila infantil para meninas

Feita de poliéster e PVC, essa mochila é resistente e fácil de limpar. Seu tema clássico faz e sempre fará sucesso entre as meninas, tornando essa uma ótima opção para todas as idades. Ela possuí alças acolchoadas e anatômicas, bolsos laterais e lindos zíperes personalizados.

 

Mochila de rodinhas Minions Stripes 16 – Xeryus

melhor mochila de rodinhas escolar

Com um tema neutro e um efeito 3D frontal, essa mochila com rodinhas dos Minions tem um lindo acabamento e muito espaço interno. Além das rodinhas, ela também conta com alças de costas, assim a criança poderá carrega-la nas costas quando quiser, e com bolsos laterais.

 

Como escolher a mochila ideal

As mochilas não servem apenas para guardar o material escolar, como a maioria das pessoas pensa. Uma boa mochila de rodinhas para crianças deve servir como uma boa bagagem de mão no caso da sua família ir viajar de avião, por exemplo. Além disso, ela também deve servir como uma mala comum para acampamentos, passar dias em casas de parentes, cursos e outros tipos de viagens.

Seja qual o for o motivo de você querer comprar uma mochila, existem fatores importantes que você deve considerar antes de fazer uma escolha. Aqui estão alguns:

Durabilidade

Este é um fator muito importante a considerar. A durabilidade de uma mochila rolante dependerá de vários outros fatores, incluindo o material da mochila e a construção das rodas e da alça retrátil. Uma mochila que bem construída deve durar por muito tempo e deve manter os pertences dentro seguros. Apesar de existirem mochilas com designs extravagantes por aí, é preciso ter cuidado para que esses chamarizes sejam resistentes.

 

Cor e tema

Você pode se preocupar com a durabilidade, o preço e outros detalhes, mas tudo o que importa para uma criança é se a mochila parece legal. Isso significa que você precisa conferir com seu filho ou filha para saber quais são suas cores preferidas e quais são seus desenhos e jogos favoritos. No entanto, você também deve considerar a manutenção. Como regra geral, as crianças geralmente não lidam bem com as coisas de cores claras; especialmente se elas vão usar as mochilas de rodinhas todos os dias.

 

Dimensões

Não há tamanho único para crianças. Você deve ter em mente que mesmo que uma mochila de rolamento comum seja projetada para proporcionar conforto e facilidade, isso não vai servir de nada se ela for maior do que a criança ou for muito pequena para carregar tudo o que ela precisa no dia-a-dia. Considerar essas duas especificações é especialmente importante se a criança for usar a mochila tanto arrastada pelas rodinhas quanto usada nas costas.

Como a durabilidade é outro fator importante a se considerar, mochilas com alças e tiras ajustáveis são as ideais, pois elas podem ser ajustadas com o crescimento da criança.

 

Tiras e alças

Normalmente, uma boa mochila deve ter tiras largas e acolchoadas para oferecer um maior conforto e distribuição do peso. Uma tira pequena e sem acolchoamento pode machucar a pele sensível dos pequenos, especialmente quando eles forem correr com elas nas costas.

Além das tiras para os ombros, uma mochila com uma tira central, que fique presa ao redor do tronco, pode ser a melhor escolha para crianças que costumam levar muitos itens pesados. Essa terceira tira distribui melhor o peso, além evitar que a mochila fique pulando e batendo nas costas. É o mesmo método usado naquelas mochilas enormes de camping.

Independentemente da quantidade de tiras, você deve sempre verificar se o peso que a criança está carregando é seguro.

Compartimentos

Bolsos internos e compartimentos dedicados ajudam a manter todo o material escolar bem organizado. Pense nos vários tipos de itens que o pequeno precisa levar para escola, incluindo livros, cadernos, estojos, garrafa d’água, lancheira, etc., e imagine qual é o melhor jeito de manter tudo isso organizado dentro de uma mochila.  Por exemplo, se a escola permitir que uma garrafa seja levada diariamente, seria útil ter um bolso dedicado para ela do lao de fora, para que a criança tenha fácil acesso.

Custo

Equilibrar preço e qualidade é sempre uma consideração muito importante para todos os pais, os gastos estão sempre aumentando e os novos lançamentos de mochilas com temas da moda costumam ser absurdamente caros. Felizmente existem mochilas baratas e de qualidade no mercado, a grande diferença é que elas não costumam ser decoradas com temas licenciados. Um dos melhores jeitos de economizar ao comprar uma mochila escolar é simplesmente evitar o período de volta às aulas, quando todos os materiais escolares estão mais caros.

Zíperes

Teste os zíperes! Verifique se eles não prendem no tecido e são fáceis de abrir e fechar. Um zíper de baixa qualidade pode ser frustrante de abrir ou fechar e pode ficar emperrado. Lembre-se de que, dependendo do material, os zíperes podem enferrujar, o que é super irritante e pode simplesmente deixar a mochila impossível de ser usada. Por fim, as mochilas escolares mais novas tendem a ter fivelas e outros penduricalhos decorativos presos ao zíperes, você deve se certificar de que eles não atrapalham o funcionamento do zíper e se eles não podem se soltar facilmente.

Estofamento

Idealmente, o painel traseiro e as tiras dos ombros devem ser preenchidos com espuma para distribuir melhor o peso e adicionar mais conforto. A maioria das mochilas boas tem esse estofamento, mas é uma boa ideia pressionar a espuma e ver se ela volta à sua forma original, ela não deve ficar fina demais ou permanecer amassada.

Cuidados com o sobrepeso

A dor nas costas não é mais apenas um problema para trabalhadores braçais e para os idosos, como normalmente se assume. À medida que os livros didáticos se tornam mais pesados ​​e que muitas crianças precisam agora levar notebooks, tablet e equipamentos para atividades físicas para a escola ou para cursinhos, mais estudantes são afetados por dores relacionadas ao esforço físico e lesões nas articulações todos os anos. Dores na lombar e nos ombros são particularmente comuns.

Um estudo de 2013 nos Estados Unidos revelou que houveram quase 22.000 ferimentos causados ​​por cargas pesadas de mochilas tratadas em consultórios médicos e hospitais, incluindo fraturas, luxações, distensões e entorses. Muitas dessas lesões podem causar dores nas costas que se estendem até a idade adulta.

Transportar mochilas pesadas freqüentemente também pode danificar os tecidos moles do ombro, o que pode levar a danos nos nervos microestruturais. Estes tipos de lesões podem eventualmente inibir o movimento da mão e dos dedos. Cargas pesadas distribuídas de maneira desigual, como quando uma criança carrega sua mochila sobre um ombro, farão com que os músculos compensem inclinando-se para o lado oposto. Isso faz com que a tensão e o desequilíbrio muscular acelerem o desenvolvimento de problemas nas costas na idade adulta e pode causar dor a curto prazo.

Mesmo cargas bem distribuídas podem causar problemas se forem muito pesadas. Quando sobrecarregada, uma mochila pode distorcer as curvas naturais das costas e levar a um arredondamento dos ombros. A maioria também se inclinará muito para a frente quando estiver com uma carga pesada nas costas, fazendo com que eles se tornem desequilibrados e caiam facilmente se tropeçarem.

Claro, esse tipo de problema só é causado por pesos muito grandes, que felizmente não é o caso da maioria das crianças. A melhor maneira de evitar essas lesões é verificando regularmente o peso da mochila das crianças.

O peso ideal de uma mochila infantil é de no máximo 10% do peso corporal da criança. Se uma criança pesa 50 quilos, a mochila não deve ultrapassar 5 quilos, tanto nas costas quanto usando as rodinhas. E quanto menos a carga, melhor.

Além disso, você deve sempre ensinar a criança a usar as duas alças das mochilas, para não sobrecarregar um ombro. Ao usar uma mochila de rodinhas, tenha certeza que seu filho não precisa se abaixar ou se contorcer para carrega-la. Ela deve estar na altura correta para ser carregada de forma natural, na altura do punho da criança.

 

melhor mochila infantil para meninos melhor mochila infantil para meninas melhor mochila de rodinhas escolar
Mochila Spiderman 18M Mochila Barbie 17M Mochila de rodinhas Minions Stripes 16
Cerca de R$ 75 Cerca de R$ 95 Cerca de R$ 140
Compre online Compre online Compre online
Equipe
A equipe do Guia de Compra está sempre pesquisando pelos melhores produtos e preços para que você economize tempo. Todos os dias nós analisamos centenas de produtos para achar o que melhor se adapta a você e ao seu bolso.